30.11.05

Tenho "só" uma dúvida!

Falta assunto!
Hoje estou vazio de ideias, mas quero falar - falar, gritar, berrar a propósito de qualquer coisa, feia ou bonita, grande ou pequena, gorda ou magra! Mas nada é tema importante para honrar tão ilustre página; embora de negro vestida, é uma espécie de óasis neste deserto de ideias - das minhas ideias!
Ela, a página...
As ideias...
Então, quem manda o "sapteiro tocar rabecão" ?
Sem ideias, sem engenho, sem arte, como posso imaginar perspectivas de escriba ao comunicador que não sou?
Fernando Pessoa tem aniversário de morte anunciada; a CIA anda por aí a espiar as "alcovas" dos desordeiros da ordem e prende-os (faz muito bem...)!; Álvaro Cunhal, embora morto, é selo de carta de correio - e também se diz, segundo Pacheco Pereira, que foi culpado de algumas mortes políticamente necessárias.
E foi notícia a entrega (pelo mesmo Cunhal) ao KGB de quilos de informação desviada dos armários da polícia política!!!
Afinal, sempre há assunto/s!
E até eu sou assunto - fui assunto: a Segurança Social anunciou-me em carta timbrada que deverei"... efectuar o pagamento das respectivas contribuições, com base no escalão..." !
Portanto, a partir do próximo mês vou pagar mais!
E é justo que assim seja, derivado do facto, como diz o meu presidente de Junta, de ter sido "aumentado"!
"... com os melhores cumprimentos, P'o DIRECTOR ( assinatura ilegível)..." !
Quanta gentileza...
Tenho só uma dúvida: se sou patrão de mim mesmo, quem me "aumentou"?
Eu não fui!
E a minha conta bancária continua magra como bezerro em tempo de seca no Alentejo!

2 comentários:

Anónimo disse...

grande imaginação, grande poder de escrita, para conseguir dizer todos esses "items", duma forma tão leve, irónica e ao mesmo tempo risonha.
Gostei muito
um outro olhar

bapsi disse...

só uma dúvida? eu tenho milhares...
és um sortudo pá :-)))