28.4.06

"Pequena que um dia vai ser grande"

Sei de uma menina com resposta pronta sempre que alguma questão lhe é posta.Um dia falei-lhe sobre o "pecado"; segundo o meu conceito do dito, "o pecado está na nossa consciência" - opinei!
Dias depois, voltei ao tema e a menina , de chofre, disse:
- Para mim o pecado é tudo aquilo que gostariamos de fazer e não fazemos porque não podemos ou não devemos!
A menina tem 13 anos, é óptima aluna, empreendedora nas coisas a que se dedica, e como "resposta pronta" para (quase) tudo, construiu o seu "blog". Convidou-me para uma visita, que fiz com gosto.
E a "Anita" escreveu:
...
"Eu, uma pequena (que um dia vai ser grande) rapariga, tenho pensamentos pequenos (mas que
um dia vão ser grandes), até porque com a minha pequena (que um dia vai ser grande) idade, não se deviam ter estes tais pequenos (que um dia vão ser grandes ) pensamentos...Toda esta pequena (que um dia vai ser grande) lógica serve para eu explicar que conheço um senhor grande (que um dia foi pequeno) que tem uma pequena (mas que para mim é grande) teoria, que consiste em que, o mundo dos "grandes"(que um dia já foram pequenos) é cheio de pequenas (mas grandes) complicações. Mas eu, com a minha pequena (mas que um dia vai ser grande) cabeça, que tem pequenos (mas que um dia vão ser grandes) pensamentos, tenho uma teoria melhor (mas não maior), que consiste em que se nós os "pequenos"(que um dia vamos ser grandes) não temos essas pequenas (mas grandes) complicações, leva-me a pensar que, se calhar não será dessas tais grandes (que um dia foram pequenas) cabeças, que tornam "coisas" (que na realidade são pequenas) numa "coisa" grande, só para ficar proporcional à sua grande cabeça?! Fica a pergunta no ar...
Termino a minha pequena (que não deixa de ser grande e boa) teoria.
Aceitam-se pequenas (mas que para mim serão grandes) sugestões...
E um pequeno (mas especial) beijinho para o tal grande (que um dia foi pequeno) senhor!****"

9 comentários:

125_azul disse...

que pequena (grande) notável! Está bem para ser admiradora de um grande (que não se esqueceu de que foi pequeno) senhor! Feliz fim de semana

Carlota disse...

Essa pequena já é "grande".
Excelente texto.
Dás-lhe os meus parabéns?
Beijola.

Teresa Durães disse...

Tenho um filho de 13, faz agora 14 anos. Não sei se a idade psicológica será igual, normalmente as raparigas evoluem ainda mais depressa.

Mas, se puder fazer a comparação (o meu filho de infantil nada tem) só posso acrescentar, Cuco, que levou uma sova (psicológica) de uma menina-mulher!

Ela tem toda a razão, aqui fica a minha sugestão, desça do seu (grande) pedestal (eu não desci, caí - nada como ter adolescentes em casa), ouça as respostas prontas porque estão na idade de contestar todo o nosso modo de vida 8que tem coisas boas e más, certas e erradas) e pense apenas.

É o que faço (de uma maneira discreta senão o meu filho manipula-me)
:)

Teresa Durães disse...

Obrigada pela rosa :)

Um outro olhar disse...

somos condicionados pelo tempo e pelo espaço, mas pela mente não, assim no tempo e no espaço temos idade, na mente a idade não existe

:)

acácia disse...

Quero agradecer ao Senhor grande (que um dia foi pequeno) todo o amor e apoio que nos tem dado, quer na formação das minhas pequenas (que um dia serão grandes) senhoras, quer a nível emocional, Quero aqui deixar o meu agradecimento público a este senhor que tanto respeito e amor me merece, que por sinal é o meu grande compaheiro.
Um beijo muito grande de todas

Serenidade disse...

uma pequena (que vai ser grande) mulher... disso não tenho duvida...
Porque quem escreve estes pequenos (mas grandes) textos será sem dúvida uma pequena ( mas que um dia vai ser grande) cabeça...
Um beijo para si... E para a "soprano junior"...

eternidade disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
eternidade disse...

nem sei como exprimir a felicidade (embora esta não exista, e existam sim momentos agradáveis)que quase me "arrebenta" (brincadeira..) o coração, por este grande( que um dia foi pequeno) senhor ter colocado o meu artigo aqui.. e quero agradecer também ás pessoas "intelientísimas" e pacientes que leram o meu artigo (não que para o ler seja preciso isso, mas para o compreender sim..sao precisas essas "qualités"
Un gros bisous avec mon grand ami..cuco!*** ps.hoje estou virada para o "français"!