27.10.05

Uma cruz no quadrado

Ando preocupado com o futuro do meu país. A razão ( uma só!) é simples: no começo de 2006 vou ter de escolher o "meu presidente"!
Como se vê, o motivo da minha preocupação resume-se a uma cruz desenhada sem grandes cuidados estéticos no interior de um pequeno quadrado; o que importa é que indique o meu eleito, a minha preferência, o mais capaz, o mais erudito, o mais...o mais tudo! Para mim, claro....
Mas é este "mais tudo" que me dá cabo do miolo...
Vejamos: um é alto, gordo, gasto, usado, mas tem o saber de um velho soba e, se fosse tempo de monarquia instituida, talvez fosse "rei"; outro tem barba a necessitar de estilista barbeiro, é menos usado, menos gasto, e não se lhe adivinham gostos monárquicos - pelo contrário! Dá-se como escritor, mas cá para mim é, simplesmente, o poeta com quem gostaria de me parecer na qualidade e na forma da escrita, e não como pessoa, porque por aí ganho-lhe aos pontos: a minha barba tem cuidados de tesoura bem afiada e não esconde a barbela!
Há ainda outro, de discurso gasto, usado, nada gordo, e também não lhe noto requintes de príncipe, rei ... ou presidente.
O candidato que mais me faz recuar uns anitos nas lembranças é o último da lista: os gestos de "anarquista" são um pouco de mim nos tenros anos; também aprecio a elegância resultante de alguma dieta menos conservadora e não desdenho ouvir os seus recados enérgicos, atentos e venerados por plateia irreverente, sobretudo quando o actor vem à boca do proscénio dizer de si coisas, monólogos, com continuação na "página seguinte".
Perante estes cenários, a minha intrínseca preocupação começa a ser um tabu, que irei desvendar no dia em que desenhar esteticamente a cruz no quadrado das minhas dúvidas....
Hummm... esqueci-me da minha maior preocupação!...
...Dizem que está mais simpático, será?

1 comentário:

Anónimo disse...

Great blog, very interesting. I bookmarkedalready. I have a travel business site. it has travel business INFORMATION, It is great is you want to quit your job:-)