25.10.05

Viagem com regresso marcado


... Ontem as andorinhas do meu bairro voaram baixo, em grupos, chilreios mais audiveis. Olhei-as do sexto andar e, por breves segundos, segui a evolução do voo: iam e vinham num corrupio alucinante sobre os beirados...
... Afinal, as andorinhas do meu bairro estavam a "despedir-se" dos seus lares... A viagem que encetavam tem regresso marcado. Talvez em março próximo.
Virão todas?
Voltarei a vê-las da minha varanda?

1 comentário:

Um outro olhar disse...

decerto que sim, elas retornam sempre, podem não ser as mesmas, mas são outras que veem no lugar delas, ocupar o mesmo espaço, fazer o mesmo vai e vem, e acima de tudo dar vida, cor , som luz e brilho, pois por onde pairam andorinhas, paira um raiar de sol, um resplandecer de luz e brilho....