Há outro mundo para lá das emoções de uma "notícia de jornal"...